sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Recarregue Seu Celular Por Voz


Sua voz poderá abastecer o celular?

Imagine-se conversando no seu celular com um amigo ou mesmo alguém da família ou ainda em uma reunião de negócios pelo celular e sua bateria acabando a carga e você preocupado com isso, tendo de conectar a fonte ao aparelho para que você possa continuar em sua reunião para que a bateria não dê nenhum sinal de carga baixa.

Suas preocupações estão sendo pesquisas por cientistas de alto gabarito, que estão estudando como ondas de som poderão, pasmem, o som da sua voz ao conversar poderá carregar seu celular.

Todos sabem que quanto menor é o aparelho, menor é carga por ele suportada nas baterias e conseqüentemente seus minutos de conversa ao telefone tende a serem menores, com aquela preocupação chata em mente será que a carga vai dar? Você as vezes ou na maioria das vezes anda estressado e mais uma preocupação é a carga da bateria de seu querido celular que nem pensar em acabar ele pode, pois senão você perde conferências ou mesmos seus contatos de negócios que poderiam estar te ligando. Com certeza seria dinheiro jogado no lixo, negócios e mais negócios ou propostas perdidas pois seu aparelho acabou a bendita bateria na hora não esperada para isso.

Tudo isso se os resultados alcançados por pesquisadores coreanos puderem ser repetidos em maior escala.

Young Jun Park e Sang-Woo Kim lideraram um grupo que conseguiu transformar ondas de som em energia. Eles trabalham respectivamente no Instituto de Tecnologia Avançada da Samsung e na Universidade Sungkyunkwan.

A tecnologia é baseada em materiais conhecidos como piezelétricos, que transformam energia mecânica em eletricidade. Usando óxido de zinco, eles criaram um campo de nanofios entre dois eletrodos, e fizeram esse “sanduíche” receber muitas ondas sonoras de 100 decibéis. O sistema produziu cerca de 50 milivolts – ainda muito pouco para abastecer um celular, porém um resultado considerado bastante promissor.

A idéia é barulhenta

Os pesquisadores partiram do princípio de que, apesar de muito úteis, as baterias convencionais têm vida limitada. Além disso, quanto menor o aparelho, menor a carga que cabe em sua bateria. Essas dificuldades criam a necessidade de um dispositivo wireless para, por exemplo, implantes corporais e sistemas médicos que possam dispensar o processo de recarga.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Favor Se Cadastrar Para Comentar. Não Use Palavras de Baixo Calão, Não Ofenda Ninguém. Não Faça Racismo. Obrigado